Porque sentimos o impulso de saltar em lugares altos?


O artigo Porque sentimos o impulso de saltar em lugares altos? foi publicado originalmente no blogue abraiante.net em 13 de julho de 2013.



Alguma vez olhaste desde um lugar bem alto e sentiste que algo te empurrava? Notaste a vontade de saltar? Ou estiveste sentado num precipício com uma pessoa que amas e pensaste que poderias empurrá-la? Seria tão fácil fazê-lo...

Neste vídeo do canal Vsauce, Michael fala acerca do que é arrepiante. Merece a pena ver o vídeo inteiro, já que toca muitos temas interessantes sobre o medo, o horror e o terror, incluíndo o androide que canta. Mas vamos centrar-nos no que fala entre os minutos 5:55 e 7:15, o sentimento aparentemente suicida ou homicida que surge nas alturas.

Esse sentimento tem o nome de High Place Phenomenon (fenómeno dos lugares altos). É um fenómeno devido à dissonância cognitiva, o conflito entre duas ideias incompatíveis que o cérebro tem que resolver dalgum jeito.

Isto é, quando o teu corpo se achega à beira dum lugar elevado, o teu instinto de supervivência fai que te afastes, que evites o perigo. Porém, o teu equilíbrio e os teus sistemas motores não o compreendem, pois nada está a empurrar-te e normalmente não cais ou saltas aleatoriamente e sem motivo. E nesse de ambiguidade, de dissonância, que é o que acontece? Que a região do teu cérebro que processa as intenções pode resolver o conflito pensando que deve existir algo que te esteja a empurrar ou que realmente desejas saltar ao vazio... ainda que não seja verdade.

Então tranquilo, não estás louco. Ter esse sentimento quando estás a muita altura é perfeitamente normal. Só que, por favor, não o fagas.